18 ago 2010

Nova tag: Raças!

Cris

Hoje é dia de mais uma novidade no blog. A partir de hoje vou publicar, sabe Deus com que regularidade… rsrsrs, post sobre raças de gatos e cachorros. O objetivo e dar uma rápida ideia das principais características de cada raça e, quem sabe, até ajudar em alguma escolha. Lembrando sempre que animais de raça são lindos, mas há uma infinidade de gatinhos e cachorrinhos prontos para adoção, loucos para achar uma família que os ame e para a qual eles possam dar todo o amor e carinho que possuem. Os SRD (Sem Raça Definida) agradecem… ;)

O post inicial será duplo, em homenagem a alguns membros da Família Gatos e à Pandora. Espero que gostem e também gostaria de agradecer aos responsáveis pelas publicações Pulo do Gato e Anuário Cães, que gentilmente autorizaram a reprodução de seus conteúdos aqui. Obrigada.

Mas vamos lá!! Em primeiro lugar, vamos falar dos Siameses… ah esses olhos azuis… :)

Siamês – Personalidade e beleza

É uma raça que fascina povos de todo o mundo desde o fim do século XVIII, quando foram exportados de seu país de origem. Considerados como gatos sagrados no Sião, região que hoje corresponde à Tailândia, não eram vendidos, mas sim dados como presentes a pessoas estimadas. Era uma honra receber este gato como presente de um nobre. A raça chegou na Europa pela Inglaterra no ano de 1884 quando um conselheiro inglês recebeu um lote de gatos como presente do rei do Sião. Desde então os Siameses se tornaram cada vez mais populares no país e eram muito bem tratados pelo governo da Inglaterra. Os ingleses têm muito a ver com a história desta raça, pois foram eles que organizaram pela primeira vez, no final do século XIX, a criação de gatos de raça e a primeira exposição de Siameses, que aconteceu no Crystal Palace.

Estes gatos são imbuídos de um temperamento extremamente brincalhão. São gatos que adoram correr, saltar, tendo um grande grau de atividade. Bastante falantes e muito afetuosos com o dono, são gatinhos bem exigentes.

Peso médio: 2,5 a 4 kg
Fonte: Revista Pulo do Gato, Editora Top.Co – Créditos: Samia Malas

Labrador Retriever

O Labrador Retriever é originário da Grã-Bretanha, de tamanho médio (25 a 34 kg) e de temperamento dócil, inteligente e companheiro. A pelagem é curta e densa, e a cor varia entre preto, amarelo e chocolate.

Típico cão de família, o Labrador Retriever é extremamente calmo, brincalhão e apegado aos donos, podendo ficar deprimido e morrer de tristeza se deixado sozinho por muito tempo. Por isso, nunca adquira um Labrador se não tiver tempo para dedicar a ele. Vive de 12 a 14 anos.
Fonte: Anuário Cães 2010, Editora Minuano

É isso, espero que tenham gostado e aguardem novas raças. Tem uma mais curiosa e linda do que a outra!!!


22 jul 2010

Integração: Pandora e Cisquinho

Cris

Nesta minha primeira semana de férias, não consegui deixar a Pandora com a Família Gatos tanto quanto eu gostaria. Mas ontem à tarde eu resolvi começar o projeto, pois até semana que vem eu espero ter tido grandes progressos.

Para início de tudo, elegi o Cisquinho. Como é o mais novinho, pensei que talvez fosse mais fácil. E eu não estava errada… :) Coloquei todos os outros na sala, ou melhor, eles já estavam todos lá dormindo, como mostrei no post da preguiça… rsrsrs Fechei a porta e deixei a Pandora entrar. O Cisquinho estava dormindo na minha cama e, quando acordou, A Louca já estava pulando no meu quarto.

Ela ficou mais ou menos tranquila por bastante tempo. Eu havia dado um osso de couro  para distraí-la, o que sempre dá certo. O Cisquinho, por muito tempo, ficou observando-a de cima da cama. Chegava na beiradinha, olhava curioso, ia pra outra ponta da cama, olhava novamente… até que a Pandora chegou pertinho dele, bem de mansinho. Os dois se olharam e se cheiraram várias vezes. Tirei MUITAS fotos deles de carinha um pro outro.

Mas, como nada é perfeito, quando o Cisquinho criou coragem e desceu para o meu colo (eu estava sentada no chão do quarto), a Pandora o cheirou por algum tempo, até lambeu o bonitinho!, e, finalmente, deu um pulo com as duas patas da frente em cima dele. O pobrezinho se assustou, correu para debaixo da cama, e a Pandora achando que ele queria brincar… rsrsrs Mas já foi um bom começo. Hoje não tive tempo de fazer a continuação, pois vou viajar, mas continuo na semana que vem. Ainda estarei de férias… ;)


21 jul 2010

Quem resiste a pegadas de patinhas??

Cris

Existem pequenos detalhes (isso é uma redundância, eu sei…) que fazem uma grande diferença, não é verdade? Como um dos presentes que ganhei do meu amado e querido marido (já te falei hoje que te amo? já? 129 vezes??? não me importa, que seja a centésima trigésima vez… rsrss). Aliás, meu marido vive me dando presentes que merecem posts… ;) Como o meu notebook é antigo, e eu adoro coisas antigas hahahaha, ele não tem leitor de cartão. Isso dificulta um pouco minha vida na hora de baixar as fotos que ilustram os blogs, pois minha máquina não facilita minha vida e não basta conectá-la ao computador via um cabo usb qualquer, ela precisa de todo um aparato logístico.

Resumindo, eu precisava de um leitor de cartões. E o que o meu maridão fez? Não só me deu um de presentes, mas me deu O leitor de cartões. Ele não faz nada a mais do que os outros, é uma pequena caixinha ligada ao computador por um cabo usb e que lê 5 tipos/tamanhos de cartões diferentes. Até aí, nada demais. Mas e a decoração do leitor? Gente, é uma pequena joia ornamentada com uma silhueta de cão e por patinhas… patinhas!!!! Vocês imaginam o que isso significa para mim? Passa a ter um valor sentimental tão grande, que é capaz de fazer parte do meu testamento… :D Vejam se eu não tenho razão.

Leitor mais cute, cute que eu já vi na vida!!

É, o Roberto Carlos tinha razão… rsrs


8 jul 2010

Cães e gatos: inimigos?

Cris

Mais uma prova de que, além de poderem perfeitamente conviver pacificamente, os animais conseguem ser muito mais sensíveis que os seres humanos em muitas situações.

Uma cachorra adotou um gato, inclusive amamentando-o. Vejam a reportagem completa aqui.


6 jul 2010

Dica da terça: Adestrador Online

Cris

A dica de hoje é um site muito bacana para quem tem cães: o Adestrador Online.

A dica me foi dada por um amigo que também adora animais e que se encantou pelo trabalho do adestrador Tomás Szpigel. O projeto começou com uma comunidade no Orkut e acabou virando um portal. É tudo acessível gratuitamente e ele disponibiliza vídeo aulas excelentes, divididas em categorias. O mais interessante a respeito do Tomás é a visão que ele tem do cão e os métodos que ele usa. Ele é contra a obediência pelo medo. Gostei muito desse tratamento “humanista” dado ao cão… :)

Todo o conhecimento e experiência do Tomás também serão disponibilizados em um livro com previsão para ser lançado agora em julho. Aguardem e, enquanto o livro não sai, aproveitem o site!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...